Vitiligo

O que é ?

O vitiligo é uma doença de pele não contagiosa, não inflamatória, que causa manchas brancas em qualquer parte do corpo, inclusive nos pelos. Embora sua causa exata não se encontre estabelecida, hoje já conhecemos muito mais sobre essa dermatose. Trata-se de uma doença autoimune, com auto- anticorpos e com células inflamatórias que agridem o melanócito (célula que faz o pigmento) e facilitam o aparecimento das manchas brancas.

O vitiligo não é uma doença genética, porém aqueles que têm parentes próximos com vitiligo têm mais chance de apresentar a doença. Estudos têm demonstrado que alterações emocionais, estresse excessivo, e também perdas importantes, como morte de entes queridos podem desestabilizar o individuo e facilitar o aparecimento das manchas.

O diagnóstico do vitiligo é essencialmente clínico, pois as manchas hipopigmentadas têm geralmente localização e distribuição características. A biópsia cutânea revela a ausência completa de melanócitos nas zonas afetadas, exceto nos bordos da lesão, e o exame com lâmpada de Wood é fundamental para detecção das áreas de vitiligo.

O vitiligo pode se apresentar de várias maneiras, como unilateral ou segmentar (somente de um lado do corpo), acrofacial, (ao redor da boca e dos olhos e nas mãos e pés), vitiligo vulgar em várias partes do corpo. Ainda não há cura para o vitiligo, mas isso não significa que as manchas não possam sumir e não aparecerem mais.

Um dos aspectos relacionados a esse assunto é que a pessoa que apresentar esse tipo de alteração de pele tem que procurar ajuda médica logo no início, para começar o tratamento o quanto antes, evitando que as manchas fiquem resistentes. Em se tratando de vitiligo, a dificuldade é proporcional ao tempo, ou seja, quanto mais tempo o paciente demorar para procurar ajuda médica, mais tempo o problema vai persistir.